Política de internacionalização

Política de internacionalização

Ciente dos desafios que a internacionalização coloca às instituições do Ensino Superior,

o ISPG desenha a esta política, que pretende contribuir para legitimar a instituição como uma referência nacional, regional e internacional de Ensino, Pesquisa, Extensão e incubação, a qual tem por base o Plano Estratégico do ISPG, 2015 - 2020.

O objectivo geral consiste na promoção da internacionalização e integração regional do ISPG para além de desenvolver acordos e parcerias ao nível regional e internacional com instituições de reconhecido prestígio académico. Pretende igualmente divulgar oportunidades internacionais de ensino, investigação e intercâmbio estudantil, desenvolver actividades de extensão, investigação e incubação com instituições internacionais bem como capitalizar os memorandos de entendimento entre o ISPG e instituições nacionais e internacionais.

A política aplica-se aos estudantes, docentes e investigadores do ISPG e instituições parceiras e será implementada ao abrigo dos seguintes princípios:

– Promoção da excelência – No âmbito da promoção da internacionalização o ISPG estimula o primor do saber acadêmico, científico e de socialização da ciência, por conseguinte, as IES e as redes para quais ISPG pretende estabelecer parcerias de mobilidade devem estar acreditadas nos respectivos órgãos de tutela tanto ao nível nacional como internacional,;

- ÉticaA política de internacionalização do ISPG rege-se por princípios éticos internacionalmente aceites, os quais constituem a base para diversas actividades entre o ISPG e as IES nacionais e internacionais;

- Publicação e Divulgação dos resultados: Os Resultados da mobilidade dever ser sistematizados e publicados em revistas cientificas, eventos científicos e disseminados nas comunidades acadêmicas do ISPG e dos parceiros.

 


Print   Email

Artigos relacionados